Evangelho em 3 minutos

Evangelho Em 3 Minutos – Eis-Me Aqui – #678 Doente ou pecador?

#678 Doente ou pecador?
Hotel em Promoção - Caraguatatuba
Faça Sua Parte - Compartilhe!

Após curar o leproso, Jesus testa sua obediência. “Jesus o despediu, com uma severa advertência: ‘Olhe, não conte isso a ninguém. Mas vá mostrar-se ao sacerdote e ofereça pela sua purificação…

Receba Estudos no Celular!

Após curar o leproso, Jesus testa sua obediência. “Jesus o despediu, com uma severa advertência: ‘Olhe, não conte isso a ninguém. Mas vá mostrar-se ao sacerdote e ofereça pela sua purificação os sacrifícios que Moisés ordenou, para que sirva de testemunho’”. O homem deveria se apresentar ao sacerdote e oferecer os sacrifícios que a Lei mosaica determinava aos que eram curados de lepra. Esta é ordem das coisas também em nossa salvação. Jesus deve ser antes Salvador, depois Senhor. Primeiro você é salvo “pela graça, por meio da fé”, e isso não vem de você, “é dom de Deus, não por obras para que ninguém se glorie”. Depois Deus tem um propósito, que é “fazermos boas obras, as quais Deus preparou de antemão para que nós as praticássemos.” (Mc 1:43-44).

O homem, já curado, decidiu fazer sua própria vontade ao invés de se sujeitar à ordem de Jesus. “Saiu e começou a tornar público o fato, espalhando a notícia. Por isso Jesus não podia mais entrar publicamente em nenhuma cidade, mas ficava fora, em lugares solitários. Todavia, assim mesmo vinha a ele gente de todas as partes.” (Mc 1:45).

Ao contrário dos pregadores de milagres da TV, Jesus nunca buscou fama. Ele veio no caráter de um servo humilde e sabia que as pessoas iriam querer transformá-lo em celebridade, não por ele ser quem era — o Filho de Deus vindo em carne — mas pelos benefícios que poderiam obter dele. Alguns anos mais tarde, “enquanto estava em Jerusalém, na festa da Páscoa, muitos viram os sinais miraculosos que ele estava realizando e creram em seu nome. Mas Jesus não se confiava a eles, pois conhecia a todos. Não precisava que ninguém lhe desse testemunho a respeito do homem, pois ele bem sabia o que havia no homem.” (Jo 2:23-25).

Se a missão de Jesus fosse apenas curar, não teríamos mais hospitais. Todavia as curas e sinais eram apenas para mostrar suas credenciais de que era o Messias, o Jeová autor da Lei do Antigo Testamento que tinha vindo em graça e verdade para salvar, antes de voltar no final como o justo e implacável Juiz para condenar os perdidos. Antes de ser o Libertador que todo judeu aguardava, ele teria de ser sacrificado, “como um cordeiro… levado para o matadouro, e como uma ovelha que diante de seus tosquiadores fica calada”, ser “transpassado por causa das nossas transgressões… esmagado por causa de nossas iniquidades” (Is 53:5-7). Só assim resolveria a questão do pecado, a pior enfermidade do ser humano. E você, busca a Jesus por estar doente ou por ser pecador?

Fonte: Evangelho em 3 Minutos

Divulgação: Eismeaqui.com.br

{jacomment on}

Hotel em Promoção - Caraguatatuba

Deixe um Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Eis-me Aqui