Igreja Perseguida Morte Últimas Notícias

“Perdoei completamente”, diz cristão que teve casa queimada pela própria família

"Perdoei completamente", diz cristão que teve casa queimada pela própria família
Hotel em Promoção - Caraguatatuba

Após se converter ao cristianismo, Samuel passou a ser atacado pela própria família chegando a ter sua casa e bens queimados.

Faça Sua Parte - Compartilhe!

intolerância religiosa é bastante acentuada no Oriente Médio, mas também há grandes sombras de repressão em outras regiões do mundo. É o caso de Chade, país sem acesso ao mar, localizado no centro-norte da África. Na região, quando alguém se converte e deixa de fazer parte dos rituais das crenças locais, é comum ser acusado de bruxaria.

Outra acusação forte que é realizada para quem deixa os costumes locais para servir a Jesus é a de “conivência com o mal”. Quem abandona a fé local corre grande risco de ter atacado pela sociedade e até mesmo pela própria família. E foi exatamente assim que aconteceu  com Samuel, um cristão do sul do Chade, onde a maioria das pessoas adora animais, plantas, rios, montanhas ou fenômenos da natureza.

Recentemente, seu primo veio a falecer com suspeita de apendicite. Mesmo assim, sua família resolveu pôr a culpa da morte do rapaz em Samuel, afirmando que ele estava enfrentando aquele problema por conta de alguma feitiçaria que Samuel havia feito.

Receba Estudos no Celular!

Perca total

Foi aí que Samuel teve sua casa queimada pela própria família. Ele chegou a perder todos os seus bens, além de todo o estoque de alimentos, móveis e outros pertences pessoais. O cristão relatou para o Ministério Portas Abertas que ele e sua família foram deixados apenas com a roupa do corpo.

Apesar do grave acontecimento, Samuel não carrega rancor no coração. Ao contrário disso, ele diz: “Embora eu continue a receber ameaças da minha família, eu decidi perdoá-los por tudo, completamente”. O apoio do ministério Portas Abertas tem sido uma fonte de consolo e encorajamento para ele.

Ele conseguiu reconstruir sua casa e acredita num futuro de paz. “Eu tenho esperança porque sei que nada é impossível para Deus. Mesmo que os homens me abandonem, o Senhor nunca me abandonará. Ele vai me restaurar para sua glória”, afirmou o cristão que apesar de ter sido prejudicado não quer pagar com vingança o mal que sua família fez.

Fonte: guiame

Hotel em Promoção - Caraguatatuba

Eis-me Aqui