Apostolado contemporâneo

Refutação ao Apostolado contemporâneo [parte 04]

Hotel em Promoção - Caraguatatuba
Faça Sua Parte - Compartilhe!

Continuação…

4ª Análise: De acordo com Atos 14:14, Barnabé foi um Apóstolo como os demais?

“Porém, ouvindo isto, os apóstolos Barnabé e Paulo, rasgando as suas vestes, saltaram para o meio da multidão…”

Receba Estudos no Celular!

Este texto que liga a palavra “apóstolo” com Barnabé é altamente utilizada para defender que existia o “ministério dos apóstolos” não somente para os 12 restritos que JESUS escolheu, mas que tinha outras pessoas que tinham este mesmo dom.

Porém, neste caso há duas possibilidades a ser analisadas devido ao contexto. É possível que as referências em At. 14 tenham o sentido mais técnico da palavra, ou seja, “apóstolo” no sentido de “enviado”, mais amplo e não restrito aos Apóstolos nomeados por Cristo. Neste caso, considerando-se todos os dados do contexto, e a maneira altamente seletiva na qual o Novo Testamento intitula uma pessoa como apóstolo, se o texto indica que Barnabé era apóstolo no sentido mais restrito pode-se deduzir que ele também possuía as mesmas qualificações dos demais apóstolos.

É mais provável, porém, que o sentido da palavra em At. 14 é o mais amplo, já que Paulo e Barnabé tinham sido enviados para uma missão pela igreja em Antioquia (At 13:1-4), à qual deveriam prestar contas quando completassem a determinada obra (cf. At. 14:27). Portanto, é mais coerente afirmar que Barnabé foi um “apóstolo” no sentido mais amplo da palavra, ou seja, foi “enviado” juntamente com Paulo que, apesar de ser um “apóstolo” no sentido restrito da palavra, nesta passagem o nome “apóstolo” utilizado significa tão somente “enviados” (ἀποστέλλω = Grego: enviar).

Autor: Marcelo Parga de Souza
(extraído do site www.agirbrasil.org)

Veja mais em Apostolado Contemporâneo

Hotel em Promoção - Caraguatatuba

Deixe um Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.